Sabemos já dos efeitos de certos Astros em determinadas Casas. Pois bem; sendo a 8ª Casa a que indica nossa saída do cenário mundial, pois é a Casa da morte, quais são os efeitos, perguntamos, de Urano e Saturno juntos nesta Casa, numa Conjunção e Paralelos?

poradmin

Sabemos já dos efeitos de certos Astros em determinadas Casas. Pois bem; sendo a 8ª Casa a que indica nossa saída do cenário mundial, pois é a Casa da morte, quais são os efeitos, perguntamos, de Urano e Saturno juntos nesta Casa, numa Conjunção e Paralelos?

Pergunta: Sabemos já dos efeitos de certos Astros em determinadas Casas. Pois bem; sendo a 8ª Casa a que indica nossa saída do cenário mundial, pois é a Casa da morte, quais são os efeitos, perguntamos, de Urano e Saturno juntos nesta Casa, numa Conjunção e Paralelos? Logicamente, dependerá muito de outros Aspectos com outros Astros. Mas o que desejo saber é o que pode oferecer este Aspecto num tema natal, quando esta Conjunção e Paralelos ocorrem estando a 8ª Casa abrangendo Touro e Gêmeos; isto é, passando de Touro para Gêmeos. Isto, sem contar outros Aspectos, favoráveis ou não.

Resposta: Antes de mais nada, é recomendação taxativa de Max Heindel, em “A Mensagem das Estrelas”: Nunca, nunca predigam a morte. É certo que o perguntante não levantou esta questão. Mas convém que seja feito este esclarecimento, que está implícito na pergunta.

A 8ª Casa não é apenas a Casa da morte. Ela rege também a capacidade de regeneração do nativo; isto é, ela indica o que o indivíduo conseguiu acumular em vidas anteriores, no sentido de transcender as condições humanas em direção à sua verdadeira e futura condição espiritual.

A 8ª Casa também rege as heranças, os legados.

Já que o perguntante é estudioso e inclusivamente leu Elman Bacher, há de lembrar-se do que foi dito por este autor sobre a 2ª Casa e seus reflexos nas demais. Em suma, a 2ª Casa indica o nível anímico do nativo no DAR e RECEBER, em todos os campos. Segundo os méritos adquiridos em vidas pregressas, pelo DAR; ou deméritos, pelo NEGAR; assim ele terá as facilidades dos legados inesperados ou será lesado em seus direitos de herdeiro. Nada vem do azar nem da sorte, senão como consequência natural e justa de seus atos. Paralelamente, pela capacidade de DAR ou contrariamente, pela OMISSÃO do dever cristão, pode exercitar a capacidade de regeneração, pois o “SERVIÇO AMOROSO e ALTRUÍSTA é o caminho mais curto, mais alegre e feliz que nos conduz a Deus”.

O Planeta que rege a 8ª Casa é Plutão, oitava superior de Marte. Quanto à influência que o perguntante deseja conhecer, não nos parece conveniente expô-la assim genericamente, sem levar em conta as configurações do tema, porque pode induzir a erro, como o fazem as publicações de Astrologia pelos jornais e revistas. Em Astrologia deve-se sempre combinar os fatores e tirar a conclusão.

(Publicado na Revista Serviço Rosacruz de fevereiro/1970)

Sobre o Autor

admin administrator

Deixe uma resposta