cabeçalho4.fw

Respeito à Mesa

RESPEITO À MESA

É mui recomendável entre nós, estudantes rosacruzes o hábito de orar às refeições. Compreendemos o simbolismo do pão e do vinho da sagrada ceia: tudo o que resulta como alimento sólido e líquido, do influxo de vida que Cristo deixa em cada ano de Seu sacrifício na Terra, é Seu sangue que bebemos e Seu corpo que comemos.

Daí a reverencia por nós devidos à mesa, pois sabemos que dentro de um alimento, de propriedades químicas, há também a Vida que é o próprio Cristo.

A hóstia deriva dessa idéia e é feira de trigo, porque o trigo não é encontrado em estado nativo e teria sido trazida a Terra pelos Senhores de Vênus, representando bem o que é de origem superior. Por isso é usado na Bíblia repetida vezes, como “encher os celeiros de trigo”, ou seja, acumular o homem de bens; “separar o joio do trigo”, ou seja, separar o bem do mal; etc. A hóstia só é dada na comunhão com o Cristo, após nós havermos purificado para recebê-lo dignamente no tabernáculo de nosso corpo.

Eis porque devemos em conjunto com nossa família, habituarmo-nos a orar às refeições. E, para completar o ambiente, música suave e pura, enquanto todos comem em silencio ou falando baixinho sobre coisas alegres ou elevadas.

São diversas vantagens ao mesmo tempo: calma ao comer, mastigar bem, reverencia e gratidão pelo alimento, bom exemplo aos que nos visitam, formação religiosa dos filhos, etc.

Cada um fará como melhor achar. Podem-se colocar um disco suave, de música pura (não emocional) uns 5 minutos antes das refeições; recomenda-se aos filhos (uma vez mais, pois a repetição faz o hábito) para comer devagar, insalivando e mastigando bem, explicando a razão científica; depois em rodízio cada dia, um dos presentes lê a seguinte oração por nós ideada, pausadamente, acompanhando mentalmente pelos demais:

 

PRECE ÀS REFEIÇÕES

 

Nós Te agradecemos SENHOR, por este alimento.

Por ele, em qualquer tempo e lugar, a Santa CÉIA se repete novamente, pondo-nos em comunhão com TEU CORPO e TEU SANGUE.

Abençoa, pois, a nossa refeição e ajuda-nos a assimilar-lhe a vida que é a TUA VIDA compenetrando tudo, bem como a santificá-la, empregando-a no que seja realmente verdadeiro, belo e bom a serviço da humanidade.

Também TE pedimos SENHOR, por todos os que abusaram de TUAS dádivas e hoje, sob a Lei de Causa e Efeito, não tem o que comer.

 Assim seja!!

 Ext. de *SERVIÇO ROSACRUZ* de abril de 1963.