cabeçalho4.fw

Os Pastores Iniciados

Os Pastores Iniciados

15Quando os Anjos os deixaram, em direção ao céu, os pastores disseram entre si: "Vamos já a Belém e vejamos o que aconteceu, o que o Senhor nos deu a conhecer". 16Foram então às pressas, e encontraram Maria, José e o recém-nascido deitado na manjedoura.

Quem eram esses pastores que se mantinham vigilantes à noite?

Grande fonte econômica daqueles tempos era a criação de carneiros (ou ovelhas) e, por essa razão, centenas de pastores viviam pelas colinas da Judeia, sem que, entretanto, a maioria notasse algo de extraordinário naquela noite. O estudante do Cristianismo Místico sabe, porém, que esses pastores, a quem o Anjo do senhor apareceu, eram os Iniciados da Religião Ariana (O Carneiro) e, como seres humanos de elevada espiritualidade que eram, puderam clarividentemente perceber o Anjo mensageiro e clariaudientemente ouvir os cantos celestiais, proclamando a Nova Época que se inaugurava naquela noite. Foi na verdade uma Noite santa para a humanidade; foi a abertura do novo caminho que eventualmente livrará o ser humano da roda do nascimento e da morte, possibilitando a todos aqueles que desejarem, beber da Água da Vida.

O nome David significa "bem-amado"; Belém, a "casa de pão" ou o "princípio coração", feminino, manifestando-se em todas as coisas, do átomo a Deus. O desejo natural deve ser purificado e esse amor ou princípio coração deve ser expandido antes de Cristo poder nascer dentro de nós, pois as passagens da Bíblia correlacionam similarmente, o grande princípio redentor do amor não poderá nascer em nenhum outro lugar, a não ser em Belém, que é a representação da vida purificada.

Jesus nasceu numa manjedoura, onde os animais alimentavam-se. Esse lugar representa a natureza de desejo inferior, que deve ser regenerada antes que o Poder do Criador possa nascer na estalagem, a qual simboliza a cabeça. Assim, cada neófito no Caminho da Iniciação deve também deixar Nazareth, a vida material, e iniciar a jornada a Belém, a vida impessoal purificada.

Cada um verificará, a princípio, que não há acomodações na estalagem e que o nascimento deve ter lugar numa manjedoura, onde os animais alimentam-se. Esse é realmente o significado do Natal.

Pouco significa para Jesus que reverenciemos o seu nascimento na Santa Noite, pois o importante é que possamos aprender a segui-lo, encontrando o caminho que nos conduzirá à realização da nossa Noite Santa individual.

Canta Angelus Silesius: "Embora Cristo nasça mil vezes em Belém, se não nascer em teu coração, tua alma segue extraviada".

(Traduzido da Revista Rays from the Rose Cross, de Corinne Heline e publicado na Revista Serviço Rosacruz de março/1967)