cabeçalho4.fw

Perguntas e Respostas

O que é realmente um Cometa?

Pergunta: O que é realmente um cometa? É uma massa sólida ou um vapor semelhante a uma nuvem? Ele exerce alguma influência astrológica?

Resposta: Um cometa, de acordo com os ensinamentos rosacruzes, constitui um "engano" no processo de formação do cosmos. Estamos habituados a julgar que as excelsas Hierarquias Criadoras encontram-se acima de erros ou equívocos, todavia, quando constatamos que elas TAMBÉM ESTÃO EVOLUINDO, aprendendo lições até agora inaccessíveis aos seres humanos, admitimos o fato de estarem sujeitas a enganos.

Um mundo ainda em formação ocorre o risco de cristalizar-se antes de completar-se o período de gestação no Mundo do Desejo. Em tal caso, não foi moldado apropriadamente. Max Heindel afirma que umescultor prepara o gesso para no tempoapropriado esculpir uma estátua. Se o faz prematuramente, não logrará êxito trabalhando em vão e desperdiçando material.

A órbita que o cometa desenvolve corresponde ao trajeto de uma corrente no Mundo do Desejo. À luz da ciência oculta sabemos não haver significado especial atribuído a um cometa, o Halley, por exemplo. Mas, segundo os cientistas materialistas, ele é um "corpo celeste girando ao redor do Sol", caracterizando-se por um ponto definido ou núcleo, uma luz nebulosa circundando-o, e uma cauda luminosa seguindo o núcleo. Pode ser visto a cada 75 ou 76 anos. Halley foi o primeiro a identificá-lo em 1683, conquanto já tenha sido observado em 1607.

Para se prever com exatidão a época do retorno de um cometa, deve-se elaborar círculos muito precisos com referência a sua orbita, considerando-se também os movimentos dos estelares a cuja influência está sujeito. A solução desse intrincado problema foi encontrada (no caso do cometa Halley) pelo trabalho conjunto de Lalande, Madame Lepante e Clairant, que calcularam a passagem pelo seu periélio em meados de abril de 1759. Em maio de 1910, Halley, o mais conhecido dos cometas, retornou... Acredita-se que seu núcleo seja formado de fragmentos de meteoritos. O espectroscópio de pesquisas de Lockyear demonstrou que o espectro característico dos cometas pode ser produzido por meteoros.

 

Podemos afirmar com toda segurança, para concluir, que os cometas não influem nos horóscopos. (P&R da Revista Serviço Rosacruz fev/72– Fraternidade Rosacruz SP)