cabeçalho4.fw

Perguntas e Respostas

Algumas deficiências, tais como visual e auditiva, produzem algum efeito final sobre os veículos internos e respectivos átomos-sementes?

Pergunta: Algumas deficiências, tais como visual e auditiva, produzem algum efeito final sobre os veículos internos e respectivos átomos-sementes? O que ocorre com o indivíduo nessas condições depois da morte? Terá visão e audição perfeitas no Corpo de Desejos e veículos superiores após a morte do corpo físico, ou tais deficiências permanecem durante todo o ciclo de vida, desde a morte até ao renascimento? Em sonhos pareço atuar perfeitamente, tanto visual como auditivamente. Por quê?

Resposta: Oefeito “final” éaquele que executamos: aprendendo ourecusando a aprender a lição que nos vem por meio da experiência. O material formador do nosso corpo será mais refinado ou mais precário, conforme nossas açõese reações, portanto temos possibilidades de melhorá-lo em vidas futuras.

Quando o Ego em uma de suas existênciasterrenas empregou o sentido da visão com finalidades egoístas, na sua próxima vindaao Mundo Físico, inevitavelmente, retornará com deficiência visual denominada miopia. Muitos estão fazendo o mesmo hoje em dia. São leitores insaciáveis. Devoram com os olhos, jornais, revistas e livros, porém com a finalidade de divertirem-se ou,pura e simplesmente, para adquirirem conhecimento, conhecimento esse que não utilizam para o bem dos demais, numa vida de serviço. Nesse caso o Ego retorna com restrições visuais, a fim de que aprenda a usar tal sentido altruisticamente.

No caso de deficiências auditivas, esta resulta do fato da pessoa conservar-se surda aos ensinamentos espirituais e aos brados de sofrimento de outrem, permanecendo indiferente aos problemas alheios. Essas condições nem sempre aparecem ao nascimento, mas aguardam uma condição planetária para surgirem. Se as aflições estão em Signos Fixos, a pessoa terá de lutar duramente para sobrepujá-las. Se for bem sucedida, erradicará o “pecado” e na vida seguinte o Ego voltará sem esse entrave, porque pagou o seu débito para com a lei.

Se atualmente somos portadores de uma dessas deficiências, porém se nos dispusermos a liquidarnossas dívidas para com a lei, na próxima existência voltaremos com as faculdades correspondentes despertas, aptas a serem usadas no Serviço ao Mestre.

A lei diz que nossos pecados poderão ser perdoados, contudo apesar disso deveremos pagar as dívidas resultantes. Isto poderá ser ilustrado da seguinte maneira: se o menino rouba maças verdes e ascome, sua mãe poderá perdoar-lhe, mas não oseu estômago. Assim acontece ouaconteceu durante toda a nossa cadeia de existências. Quando alguém tem restrições de vista, de ouvido, ou vocaldurante a existência terrestre, isso representa limitações que dizem respeito ao seu veículo físico, mesmo porque quando o Ego deixa-o para trás, tais restriçõesnão serão mais sentidas.

Na verdade, muitos dos que são cegos e surdos enquanto em corpo físico, tem, por outro lado, vista e audição espiritual ou clarividência e clariaudiência, provando, assim, que as faculdades do corpo físico não se encontram duplicadas nos veículos superiores.

Quando dormimos, nossos corpos físicos nãoascendem aos mundos celestiais, mas apenas os veículos mais sutis, não havendo, portanto restrições visuais ou auditivas nessas ocasiões.

Esse é um tema degrande interesse para muito, e nunca será demais repetir que tais restrições não são consequências do rigore dureza do Pai Celeste, massim oportunidades que surgem para o resgate de nossas dívidas para com a Natureza.

(Publicado na Revista: Serviço Rosacruz – 08/67 – Fraternidade Rosacruz – SP)