cabeçalho4.fw

Perguntas e Respostas

O que é realmente o sonambulismo, e se há alguma forma de ajudar os que estão sujeitos a ele?

Pergunta: Gostaria de saber o que é realmente o sonambulismo, e se há alguma forma de ajudar os que estão sujeitos a ele.

Resposta: A Conferência Nº 4 do livro Cristianismo Rosacruz trata de sonhos, sono, hipnotismo, mediunidade e insanidade. Isto é, versa sobre os estados anormais da consciência, e essa Conferência dá-nos uma explanação muito abrangente desses vários estados, com exceção do sonambulismo - que, de certa forma, assemelha-se muito aos sonhos. Não podemos dar aqui uma explicação completa, mas basta dizer que durante o dia o Corpo Denso, ao qual chamamos de indivíduo, está rodeado por uma atmosfera áurica composta pelos seus veículos mais sutis, exatamente como a gema de um ovo é rodeada pela clara. Esses veículos mais sutis interpenetram o Corpo Denso e são as fontes da força e da percepção sensorial.

São suas atividades que fatigam o Corpo Denso, de modo que, à noite, ele, por assim dizer, entra em colapso, e os veículos mais sutis retiram-se, deixando-o abandonado, adormecido sobre a cama. Quando esta separação se completa há um sono sem sonhos.

Não obstante, algumas vezes, o Ego fica tão preocupado com os assuntos referentes ao mundo físico, que é com grande dificuldade que se separa do veículo físico, podendo, às vezes, ficar meio dentro e meio fora do corpo.
Nesse caso, a ligação normal entre o Ego e o cérebro torna-se alterada, mas não totalmente rompida. Sob essas circunstâncias, o Ego vê as coisas do mundo físico, o que explica os sonhos fantásticos e tolos que temos às vezes.

Sob tal condição, o corpo pode agitar-se no leito, chegando até a falar e gesticular. Desse estado ao sonambulismo é só um passo, pois no sonambulismo o Ego compele o veículo a deixar a cama e vagar por aí, às vezes sem objetivo, mas outras vezes com um propósito definido em mente.

Recordemos que quando o Ego está fora do seu veículo físico, durante as horas em que este último jaz adormecido sobre a cama, o Espírito movimenta-se com a mesma facilidade através de uma janela ou de uma parede como através de uma porta aberta. Sabendo-se que ele não pode queimar-se com o fogo nem se afogar na água ou até mesmo despencar de um telhado, compreendemos facilmente que, por estar inconsciente da existência do seu veículo, ele poderá tentar sair por uma janela. Se a janela estiver aberta, naturalmente o corpo cairá no solo, machucando-se gravemente ou não, de acordo com a proporção da queda. Todos nós podemos andar sobre uma tábua estreita quando ela está próxima ao solo, mas se a mesma tábua for levantada a apenas alguns centímetros do solo, uma sensação de medo se apoderará de nós. Provavelmente cairíamos de uma tábua muito larga se ela estivesse colocada a alguns metros acima do solo, mas, quando o corpo é manipulado pelo Espírito, de fora, está inconsciente, portanto, não sente medo. Consequentemente, ele anda impunemente desde que encontre um apoio para os pés, e o único perigo reside no fato do sonâmbulo despertar - então, o Ego entra em seu veículo, assumindo a posição normal. Nessa ocasião, o medo, inevitavelmente, provocará a queda, qualquer que seja a posição na qual ele se encontre, e haverá, em consequência, ferimentos mais ou menos graves.

Para evitar essa situação, sugerimos a prática do relaxamento consciente do corpo. É o Corpo de Desejos que mantém o controle sobre o veículo Denso e, durante o relaxamento, esse Corpo de Desejos aprende a sair e deixar o Corpo Denso inerte para que, se um braço ou uma perna forem erguidas, caiam imediatamente sobre a cama. Essa prática, com o tempo, acabará com o sonambulismo. Por enquanto, seria conveniente colocar toalhas úmidas no chão, pois elas provavelmente despertarão a pessoa no momento em que ela sair da cama.

As características dos veículos superiores são de natureza semelhante à eletricidade, e sabemos que a água possui um efeito condutor excelente em relação à corrente elétrica. Da mesma forma, quando os pés tocarem as toalhas molhadas colocadas no chão, os veículos mais sutis serão atraídos para a posição central em relação ao corpo e a consciência será restabelecida. Desta forma, o corpo desperta, e o perigo do sonambulismo, durante algum tempo, é evitado.

(Perg. 130 do Livro Filosofia Rosacruz em Perguntas e Respostas – Vol. II – Max Heindel – Fraternidade Rosacruz SP)