cabeçalho4.fw

8 - Nosso Trabalho para Renascer - O Nascimento de um Novo Corpo de Desejos

Nosso trabalho para renascer – o nascimento de um novo Corpo de Desejos

 

Um Ciclo da nossa existência nessa presente escala de evolução, desde uma Morte no Mundo Físico até um novo Renascimento, envolve quatro grandes etapas:

  1. Descarte dos nossos Corpos usados;
  2. Assimilação de todas as lições aprendidas;
  3. Escolha da nova existência;
  4. Construção dos nossos novos Corpos.

Utilizamos várias Forças e Leis do Universo.

Começamos nos livrando desse Corpo Físico, fazendo uso da força centrífuga de repulsão. Dele, apenas seu Átomo Semente é levado.

Entramos no Purgatório. O tempo aqui depende diretamente de quão eficiente fomos à execução do exercício noturno da Retrospecção. É claro que vivendo nosso Purgatório diariamente diminuiremos drasticamente o tempo gasto ali.

De qualquer modo, por meio da dor e do sofrimento, assimilamos as lições geradas pelas nossas maldades.

Passado tal tempo, somos compelidos ao Primeiro Céu. Novamente o tempo de presença ali depende diretamente de quão eficiente fomos à execução do exercício noturno de Retrospecção.

De qualquer modo, através do regozijo, da gratidão e da alegria assimilamos mais lições, geradas pelo seu serviço amoroso e desinteressado prestado.

Depois ao Segundo Céu onde dedicamos todo o nosso tempo: construindo corpos e formando o meio ambiente para nossa vida futura.

De lá seguimos para Terceiro Céu sem nenhum véu que nos obscurece de ver o verdadeiro propósito dessa existência física. Somente com os átomos sementes dos nossos últimos Corpos Físico, Vital, de Desejos e do veículo Mente.

A compreensão de quanto erramos e o que devemos fazer para corrigir os erros alcança seu ápice. Dessa consciência e compreensão, juntamente com a Força Centrípeta de Atração, nasce de dentro do nosso íntimo a vontade sincera e honesta de voltar a renascer nesse Mundo Físico. Contando com a ajuda inestimável dos Seres conhecidos na Religião Cristã como Anjos do Destino, que trabalham arduamente para que cada um de nós tenha a maior quantidade de experiências possíveis, escolhemos o melhor tipo da nova existência terrestre, existência esta que nos proporcione duas coisas a saber: teste nas lições que aprendemos e aquisição de maiores experiências nas nossas relações interpessoais.

Aqui utilizamos duas Leis Cósmicas: qualquer ser só pode funcionar em um Mundo se tiver um veículo composto de material desse Mundo e “Semelhante atrai semelhante” partirmos para construir os veículos.

Mergulhamos no Mundo do Pensamento construímos uma nova Mente. Mergulhamos no Mundo do Desejo, construímos um novo Corpo de Desejos.

Mergulhamos na Região Etérica do Mundo Físico e partimos para a confecção de um novo Corpo Vital. Adquirimos o material através da: atração e semelhança, o construímos e o organizamos atraindo materiais dos dois éteres inferiores: Éter Químico e de Vida. Já os materiais dos éteres superiores: Luminoso e Refletor são atraídos pelas forças que compõe o nosso próximo principal Corpo, “o Dourado Vestido de Bodas”, o Corpo Alma. Forças essas que são compostas pela quinta essência de todo o serviço amoroso e desinteressado que prestamos para com outros.

Os Anjos do Destino modelam o nosso Corpo Vital, que dará a forma ao nosso Corpo Físico.

A Mente e o Corpo de Desejos se juntam sobre a cabeça do Corpo Vital. O nosso novo Corpo de Desejos assume a sua forma de ovoide envolvendo o nosso novo Corpo Vital e o nosso, ainda disforme, Corpo Físico.

A nossa nova Mente toma a sua forma de nuvem envolvendo onde ficará a cabeça e o pescoço do nosso futuro Corpo Físico.

E assim, cá estamos, nós, Espírito Virginal envolto nos seguintes corpos (Ego):

¨      o veículo Espírito Humano

¨      o veículo Espírito de Vida

¨      veículo Espírito Divino

¨      a nova Mente

¨      o novo Corpo de Desejos

¨      o novo Corpo Vital

¨      o novo Corpo Denso (Físico)

¨      e a quinta essência de todo serviço amoroso e desinteressado prestado

O Átomo Semente do Corpo Físico é colocado no ápice situado no ventrículo esquerdo do coração. E nele contendo todos os registros dos ciclos de nossas existências anteriores, desde o princípio de tudo.

O Átomo Semente do Corpo Vital é colocado na posição relativa no Corpo Físico conhecida como Plexo Solar ou “boca do estômago”.

Já o Átomo Semente do Corpo de Desejos é colocado na posição relativa no Corpo Físico onde está o Fígado e onde está também o grande vórtice do Corpo de Desejos.

E o Átomo Semente da Mente é colocado na posição relativa no Corpo Físico onde está o seio frontal.

Esses Átomos sementes estão conectados através de um cordão, conhecido como Cordão Prateado e que nasce em cada nosso novo renascimento aqui no Mundo Físico. Esse Cordão é Tríplice em formação e conexão: entre o Átomo Semente do Corpo Denso e do Corpo Vital; entre o Átomo Semente do Corpo Vital e do Corpo de Desejos; e entre o Átomo Semente do Corpo de Desejos e o da Mente.

Detalhando as duas primeiras partes: uma parte desse Cordão nasce composto de Éter Químico e de Éter de Vida e conecta o Átomo Semente do Corpo Vital ao Átomo Semente do Corpo Físico; uma outra parte desse Cordão nasce composto de material de Desejos e conecta o Átomo Semente do Corpo de Desejos ao Átomo Semente do Corpo Vital. E aí se dá o despertar do feto. Nesse importante momento, contemplamos o panorama da vida que temos pela frente. Esse panorama nos é apresentado na ordem direta, ou seja: primeiro as causas e depois os efeitos.

De modo a entendermos porque cada causa que iremos colocar em movimento determina sempre o mesmo efeito.

Depois de rever o panorama da vida, partimos para focarmos definitivamente nesse Mundo Físico. Então, a redução do fornecimento de sangue, cortando o cordão umbilical, serve para emparedar-nos mais ainda em nossa nova prisão terrestre.

Assim, nasce o Corpo Físico (Denso).

À primeira inspiração de ar aos nossos pulmões, damos início a mais um renascimento.

As forças que atuam pelos polos negativos desses corpos já se pronunciam:

  • a excreção dos sólidos (pólo negativo do Éter Químico);
  • a excreção dos líquidos (pólo negativo do Éter de Vida);
  • as funções passivas dos sentidos (pólo negativo do Éter Luminoso)
  • a clarividência negativa (pólo negativo do Éter Refletor)
  • a sensação de dor física ou psicossomatização (pólo negativo do Corpo de Desejos)
  • a função imitadora e ensinadora (polo negativo da Mente)

As forças que atuam pelos polos positivos desses Corpos ainda estão latentes e são acionadas pelos chamados Corpos Macrocósmicos que nada mais são do que:

  • a Região Etérica do Mundo Físico (Corpo Vital Macrocósmico)
  • Mundo do Desejo (Corpo de Desejos Macrocósmico)
  • Mundo do Pensamento (Corpo Mental Macrocósmico)

Dos 0 aos 7 anos, a porção do Cordão Prateado que liga o Átomo Semente do Corpo Físico no Coração ao Átomo Semente do Corpo Vital no Plexo Solar vai se desenvolvendo e tem fundamental importância nesse primeiro período setenário.

Nesse período o Corpo Vital vai crescendo e amadurecendo.

Por volta dos 7 anos o nosso novo Corpo Vital nasce, formado de átomos prismáticos que vitalizam cada átomo do Corpo Físico.

O Corpo Vital macrocósmico diminui a sua atuação e o nosso novo Corpo Vital começa a se manifestar.

Aos poucos vai tomando a forma definitiva de extensão de mais ou menos 4 cm além da periferia do nosso Corpo Físico.

O baço etérico, que é a porta de entrada das forças solares que vitalizam o Corpo Vital vai transmutando tal força em um fluído vital, cor de rosa pálido se espalhando por todo o nosso Sistema Nervoso, irradiando o excesso para fora irradiando saúde.

Algumas forças que atuam pelo pólo positivo dos éteres começam a ser utilizadas:

  • A assimilação (pólo positivo do Éter Químico)
  • O calor do corpo e a circulação do sangue (pólo positivo do Éter Luminoso)
  • A retenção da imagem de todo acontecimento (pólo positivo do Éter Refletor)

Nesse primeiro período setenário há duas normas fundamentais para serem aplicadas:

  • Para os pais: exemplo
  • Para os filhos: imitação

Entramos no segundo período setenário.

Dos 7 aos 14 anos, a porção do Cordão Prateado que liga o Átomo Semente do Corpo de Desejos no Fígado ao Átomo Semente do Corpo Vital no Plexo Solar vai se desenvolvendo e tem fundamental importância para o que chamamos de adolescência.

Os centros de percepção do Corpo de Desejos, os vórtices, ainda que incipientes, começam a se manifestar. Começamos a sentir emoções mais duradouras.

Nesse segundo período setenário a assimilação excessiva armazena certa quantidade de força que, fica acumulada nos nossos órgãos sexuais.

Por volta dos 14 anos, nasce o nosso Corpo de Desejos.

Toda essa força acumulada nos nossos órgãos sexuais está pronta para agir.

Começa a luta entre o nosso Corpo Vital (construindo o Corpo Físico) e o nosso Corpo de Desejos (destruindo o Corpo Físico).

Resultado disso: consciência no Mundo Físico.

O polo positivo do Éter de Vida, responsável pela propagação, amadurece por completo.

Até aqui quem nos forneceu a maioria dos nossos corpúsculos sanguíneos foi a Glândula Timo. Essa Glândula armazena certa quantidade de corpúsculos sanguíneos fornecidos pela mãe.

Por isso que até mais ou menos essa idade não nos vemos muito como um indivíduo como um “eu” separado.

Quando próximo dos 14 anos a nossa medula óssea como a formar os nossos corpúsculos sanguíneos e a Glândula Timo vai se atrofiando o nosso sentimento de “eu” separado, de indivíduo, começa a se expressar completamente.

O nosso Corpo de Desejos assume seu papel de ação nos nervos voluntários e músculos.

Do grande vórtice do fígado sai um fluxo contínuo que se irradia para a periferia do Corpo de Desejos retornando ao centro por meio de muitos outros vórtices.

Começamos a manifestar as cores no nosso Corpo de Desejos:

  • Cinza quando estamos, por exemplo: com medo
  • Vermelho quando estamos, por exemplo: com raiva
  • Azul quando estamos, por exemplo: calmo

Ele se estende de 40 a 50 cm além do nosso Corpo Físico.

Nesse segundo período setenário há duas novas normas fundamentais para serem aplicadas:

  • Para os pais: autoridade
  • Para os filhos: discipulado

Somos ensinados por meio de lições que aceitamos, baseadas na autoridade dos nossos pais e professores. Somos, portanto, eminentemente ensinável.

Aproveitemos aqui para ensinar coisas superiores e positivas para as nossas crianças unindo bons hábitos a desejos superiores.

Com a memória pronta para guardar tudo que ensinamos ajudamo-la a encher com bons hábitos, bons exemplos e bom caráter.

Aproveitemos essa oportunidade para ajudá-la a expressar mais habitualmente as características positivas e superiores de sua personalidade.

QUE AS ROSAS FLORESÇAM EM VOSSA CRUZ