cabeçalho4.fw

A Sociedade Aquariana: uma humanidade mais nobre povoará a Terra

A Sociedade Aquariana: uma humanidade mais nobre povoará a Terra

Os ensinamentos promulgados pela Fraternidade Rosacruz mencionam a aproximação de uma nova era social, à medida que o Sol, em seu movimento precessional, caminha do Signo de Peixes para o Signo de Aquário.

O Sol entrou na órbita de influência aquariana em meados do século passado. A cada 72 anos ele se aproxima um grau do Signo de Aquário, regido por Urano. Sua influência, cuja nota-chave é a Originalidade e Renovação, faz-se sentir nas conquistas espaciais, no estudo e aproveitamento das energias solar e atômica, no avanço das telecomunicações, etc. Estas descobertas estão transformando o mundo e conduzindo o ser humano a um futuro inimaginável.

Algumas passagens das Sagradas Escrituras aludem, esotericamente, a nova Idade. Os ensinamentos de outras escolas ocultistas também fazem menção a Aquário.

As Idades são fases cíclicas do progresso humano, predominando, em cada uma delas, características marcantes. Oferece ambiente e experiências adequados ao desenvolvimento da humanidade. O Antigo Testamento relata, veladamente, as transições entre várias dessas etapas.

Ao final da Idade de Touro, há uns quatro mil anos, o "povo escolhido" empreendeu a fuga do Egito, Terra onde o boi Ápis era cultuado. Neste êxodo foram conduzidos por Moisés, cuja cabeça, em antigas gravuras aparece adornada com cornos de carneiro. Essa forma de representá-lo indica tratar-se do precursor da Idade de Áries, durante a qual, na manhã de Páscoa, o povo tingia de vermelho as portas das casas, semelhante a sangue de carneiro.

Quando o Sol, por precessão, entrava na órbita de influência de Peixes, João Batista submergia as pessoas nas águas do Jordão. O Cristo chamava a seus Discípulos de "pescadores de homens". O peixe (o ictus dos latinos) era um símbolo do Cristianismo. Explica-se, assim, porque a mitra dos Bispos assemelha-se a uma cabeça de peixe. Olhando o futuro através da perspectiva do passado, evidencia-se o alvorecer de uma nova era. É razoável supor-se que um estágio mais avançado de religião substituirá o presente, revelando-nos ideais mais nobres do que nosso atual conceito de Religião Cristã.

Em 1918, Max Heindel escreveu: "O trabalho de preparação para a Idade de Aquário já se iniciou. Como se trata de um Signo aéreo, científico e intelectual, depreende-se que a Religião Aquariana deverá alicerçar-se em bases racionais, sendo capaz de resolver o enigma da vida e da morte de tal forma a satisfazer a Mente e o Coração".

Aquário é representado por um homem derramando água de seu cântaro, simbolizando o desaparecimento da umidade pela predominância de uma atmosfera mais seca e etérica.

O ser aquariano, por certo, derramará toda a água viva de sua sabedoria, chegando a um adiantamento inconcebível, produzido pelo contato direto de sua Mente com os raios do Cristo Cósmico.

Na próxima Idade não haverá mais guerras, porque o desenvolvimento espiritual do ser humano torná-lo-á um verdadeiro templo de amor. Segundo a Astrologia e os Ensinamentos Rosacruzes novas forças e energias serão descobertas. Serão, entretanto, utilizadas em benefício de todos, ao contrário do que ocorre nos dias atuais.

Em Aquário, uma humanidade mais nobre povoará a Terra. A sociedade aquariana, em termos sociais, científicos e espirituais deverá atingir tal estágio evolutivo, que à limitada consciência pisciana pareceria mera ficção.

(Revista 'Serviço Rosacruz' – 09/82 – Fraternidade Rosacruz – SP)