cabeçalho4.fw

A Saída do Cristo todos os Anos do Centro do Nosso Planeta Terra

A SAÍDA DO CRISTO TODOS OS ANOS DO CENTRO DO NOSSO PLANETA TERRA


Numa manhã de uma quarta-feira, 21 de março, o Grande Espírito Solar Cristo se elevou da Terra e foi visto por uns mil e cem estudantes de uma escola de misticismo que se encontravam, naquela noite, no Mundo do Desejo. Um Irmão Leigo disse-lhes que ia levá-los para ver a ascensão de nosso amado irmão Jesus Cristo. Em seguida, ele e outros dois instrutores os levaram em algum lugar no Mundo do Desejo, onde poderiam ver o mundo todo.

Eles pareciam estar em um anfiteatro aberto; acharam alguns lugares e se sentaram, onde podiam ver o que estava prestes a acontecer. Eles viram uma fila de Seres Exaltados e, em seguida, uma fila de Liberados. Continuando, vieram os Arcanjos, depois Anjos e, em seguida, os Iniciados. Todos estavam rodeados por grandes e lindas auras de cores delicadas, de uma luz branca deslumbrante e de outra luz dourada que seria impossível descrevê-las.

A procissão subia uma ladeira regular. Todos os presentes ouviam a música das esferas e o canto dos Anjos. O mundo inteiro parecia como uma grande esfera de luz branca e, quando Cristo saiu da Terra, os seres que iam em procissão, em Sua direção, formaram um quadrado, com Ele no centro.

Os seres radiantes formaram, ao redor do Cristo, cinco grandes quadrados de vários tamanhos, que pareciam ser uma forte e poderosa guarda pessoal de grandes Seres em seus elevados veículos.

Alguns estudantes estavam chorando; outros estavam rezando; outros cantavam, alguns entraram em um estado de êxtase, revelando um enorme prazer e felicidade, e outros pediam a Deus que tivesse misericórdia deles. O grande público observou Cristo sair da Terra até se perder de vista.

Cristo parecia cansado e exausto, mas feliz. Devemos lembrar que Ele ficou confinado na Terra por seis meses e sentiu as tristezas, os pecados e sofrimentos de toda a vida durante esse período. A aura de Cristo iluminou toda a Terra. Esta visão maravilhosa estimulará a todos aqueles que viram e lhes fará avançar mais rápido, mesmo que não se recordem, durante a sua consciência de vigília.

(Do Livro: Auxiliares Invisíveis - Amber M. Tuttle)