cabeçalho4.fw

O Poder de responder aos Auxiliares Invisíveis

O Poder de responder aos Auxiliares Invisíveis

A Lei de Equidade que governa o Universo dirige também a Cura. Somos os únicos responsáveis pelos males que nos afetam, quer sejam estes de ordem física, como a enfermidade, quer os mais sérios, de ordem moral e espiritual. Este mal provém de nossa ignorância ao infringirmos as Leis da Natureza, que são as Leis de Deus, com nossos hábitos errôneos.

É lógico supor que essa maneira egoísta e antinatural de viver proceda de várias vidas passadas. O único modo de transmutar essas dívidas do destino que todos, uns mais, outros menos, trazemos ao nascer, é começarmos a viver retamente, praticando uma vida de pureza, de amor e de serviço desinteressado aos demais. Vivendo assim, em harmonia com as Leis de Deus, geramos dentro de nós mesmos, em nossa alma, o poder de nos sintonizarmos às elevadas vibrações dos Auxiliares Invisíveis, e fazermo-nos merecedores de receber a Divina Força Curadora do Pai.

Só nós podemos criar esse poder, pois depende de nosso livre arbítrio fazermos o bem. Nem mesmo Deus pode criá-lo para nós. Quando tivermos transmutado o mal em suficiente proporção, por meio de um reto viver, então a imutável e justa Lei de Equidade entrará em ação, com a mesma segurança com que uma pedra lançada ao espaço torna a cair. A Cura, então, será efetuada.

"Anda e Não Peques Mais", dizia Cristo aqueles a quem curava, dando assim a entender, que o pecado é a causa da enfermidade.

(Revista Serviço Rosacruz – 04/80 – Fraternidade Rosacruz – SP)