cabeçalho4.fw

Algumas Correlações do Signo de Capricórnio

 

 

 

SIGNO: Capricórnio, “cabra aquática”.

QUALIDADE: cardinal; ou vigorosa consciência dirigida ativa e dinamicamente para o interesse em objetivos específicos. Mas realimentação constante é necessária para manter a energia fluindo.

ELEMENTO: terra; ou corpo.

ANALOGIA FÍSICA: rochas, pedras, cristais.

PLANETA REGENTE: Saturno.

ANATOMIA ESOTÉRICA: representa o Corpo Denso.

ANATOMIA EXOTÉRICA: específica: joelhos, vesícula biliar e medula das glândulas suprarrenais.  Geral: pele; ossos, esqueleto, tecido conectivo, tecido epitelial, cabelo, dentes, baço, minerais carregados no sangue e todos os minerais depositados no corpo, ligamentos, tendões, cartilagens, juntas e articulações.

FISIOLOGIA: Saturno governa todos os processos no corpo que tem a haver com a cristalização, endurecimento, decaimento e decomposição. Rege os processos de catabolismo, formação da bile e formação da uréia. Fornece os minerais necessários para a formação dos ossos e do esqueleto e também fornece a estrutura do corpo. Saturno tem influência considerável no sistema nervoso parassimpático, especialmente no nervo vago (pneumogástrico).

TABERNÁCULO NO DESERTO: simboliza a Arca da Aliança, contendo o Pote de Ouro do Maná, a Vara de Arão e as Tábuas da Lei. Isso, por sua vez, é o símbolo de um Corpo Denso perfeito.

MITOLOGIA GREGA: Saturno é, inicialmente, simbolizado por Chronus e Caos. Caos foi o primeiro deus, sendo criado antes de todos os outros deuses. Isso é o símbolo do Período de Saturno, a primeira manifestação de vida em substância após sua emersão da precedente Noite Cósmica. Chronus é o “Pai Tempo”, uma manifestação primária no Mundo Físico. A estória de Chronus comendo suas crianças é um símbolo de como uma atitude materialista pode sufocar as inclinações espirituais. Entretanto, o triunfo de Zeus sobre Chronus mostra o triunfo do espírito sobre a matéria.

CRISTIANIDADE CÓSMICA: Cristo nasce novamente na véspera de Natal, quando o Sol está em Capricórnio. A passagem do Sol através de Capricórnio marca um tempo de provas. Enquanto o ano novo começa nós somos testados para ver se nós aplicaremos os princípios espirituais, dados no tempo do Natal, no nosso dia a dia. Ao mesmo tempo, nós devemos nos esforçar para sobrepujar as tentações do mundo material, transformando o mal em bem. Nós devemos aprender a “tentar todas as coisas e reter somente o que é bom”. (traduzido da Revista: Rays from the Rose Cross – jan/76 e jan/78)