cabeçalho4.fw

Quais Astros ou Signos estão mais intimamente Associados ao Sentimento de Consciência?

Pergunta: Nos textos astrológicos o senhor sempre se refere à Júpiter como sendo o planeta da lei, da ordem e da ética; menciona também Saturno como o planeta do sistema, da justiça e da virtude. Queria perguntar-lhe quais planetas ou signos estão mais intimamente associados ao sentimento de consciência*? A consciência é, naturalmente, a base da lei, da ética, da justiça, da virtude, etc.?

Resposta: De acordo com os Ensinamentos Rosacruzes, quando o Espírito sai da vida física por ocasião da morte, ele vê diante de si, o panorama de sua vida passada, em ordem inversa. Nessa ocasião, os quadros que compõem a história de sua vida gravam-se nos veículos mais sutis que o Ego leva consigo para os mundos invisíveis. A reação aos quadros em que o Espírito fez algum mau ato constitui sua experiência de purgação. Essa purgação extirpa desses quadros do panorama da vida, mas deixa um aroma – que nós chamamos consciência – para prevenir ao Espírito, em sua vida seguinte, de não fazer as coisas que anteriormente lhe causaram sofrimentos de purgação.

O escrúpulo é a qualidade positiva da consciência negativa. A consciência nos previne de não fazer aquilo que é errado; o escrúpulo nos incita a fazer aquilo que é correto.

Mitologicamente, Saturno é o ceifeiro com a foice e a ampulheta. O anjo da morte, que nos tira da vida terrestre para uma existência de purgação onde colhemos o que semeamos. Neste sentido, portanto, Saturno está na base da consciência.

Ele nos admoestará sempre, dizendo "não, não, não", e se ouvimos sua voz no passado e o temos atualmente numa boa posição em relação aos outros astros (Planetas, Sol e Lua), especialmente Júpiter, o planeta da lei, da ordem e da ética, e também o Sol, que nos dá nossos ideais mais elevados, seremos, então, homens e mulheres realmente conscientes, e sempre executaremos nossa tarefa na vida, não importa quão árdua ela seja e quanta perseverança e persistência seja necessária, ou quanto auto-sacrifício seja exigido.

A consciência, portanto, não é produto de um só astro, mas é necessária a combinação das virtudes mais elevadas envolvendo vários astros, para originá-la em sua expressão mais nobre e sublime.

Naturalmente há muitas pessoas que são conscientes devido à influência de configurações menores (falando em termos astrológicos), mas a fase mais elevada exige a cooperação do Sol, de Júpiter e Saturno.

(P&R da Revista Serviço Rosacruz fev/64 – Fraternidade Rosacruz SP)

 

* Nota da Fraternidade Rosacruz de Campinas: a consciência aqui referida difere-se da consciência de vigília e/ou dos elementos que são passíveis de serem percebidos por uma pessoa (tomar conhecimento de). Esta última é bem estudada pela psicologia cognitiva. No presente artigo, o termo consciência refere-se ao resultado das reações sentidas pelo EGO sobre as experiências de uma vida, normalmente, produzida durante o purgatório e Primeiro Céu. Sabe-se que o exercício de retrospecção, quando realizado adequadamente, também permite a formação desta consciência moral.